Alargado prazo de candidaturas para a 7.ª edição do Prémio de Jornalismo Adriano Lucas

Dez 20, 2017

O envio dos trabalhos pode agora ser feito até ao dia 31 de janeiro de 2018.

PartilheShare on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Email this to someone

premioadrianolucas
Fotografia: © UC | Milene Santos

Se está a pensar concorrer à  7.ª edição do Prémio de Jornalismo Adriano Lucas, pode agora fazê-lo até 31 de janeiro.

As fichas de inscrição e o regulamento estão disponíveis no site da Câmara Municipal de Coimbra (na área Prémios Municipais), no site do Diário de Coimbra e na UC aqui. Os trabalhos devem ser entregues nos serviços de atendimento do município, presencialmente ou por correio, ou ainda por correio eletrónico (dct.premios@cm-coimbra.pt), com a indicação “Prémio de Jornalismo Adriano Lucas”.

O prémio, atribuído anualmente, “visa estimular os trabalhos na área do jornalismo, que divulguem, preferencialmente, os temas relacionados com Coimbra e a Região das Beiras e igualmente promover o aparecimento de jovens talentos”.

O autor do trabalho vencedor vai receber um prémio pecuniário no valor de 1500 euros e terá o seu trabalho publicado no Diário de Coimbra.

O Prémio de Jornalismo Adriano Lucas é fruto de uma parceria entre a Câmara Municipal de Coimbra, o Diário de Coimbra e a Universidade de Coimbra.

No ano passado, Catarina Lima Fernandes foi a vencedora com a reportagem “”Os Ilhéus em Coimbra”, sucedendo a Carina Leal, vencedora com a reportagem “Filipe Lopes: o jovem que se fez agricultor”.

Em 2014, o prémio foi atribuído a Mariana Oliveira com “Todos os Livros”. Em 2013 o premiado foi Vitalino Santos com o trabalho “Uma cidade à procura dos velhos da tribo”, com um menção honrosa a ser atribuída ao trabalho “A Lenda do Pé Descalço”, de Mário Nicolau. Já em em 2012 o prémio foi atribuído a Adérito Esteves com a reportagem “Ao abrigo de Coimbra”.

 

Regulamento do Prémio de Jornalismo Adriano Lucas.

Edições anteriores.

Texto de F. Fernandes

Redes Sociais

Os comentários estão fechados

« »