Ciclo de cinema e debate “Democracia e Inquietação”

Mar 3, 2015

PartilheShare on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Email this to someone

cartaz democracia e inquietação
O ciclo inclui a exibição de 4 filmes, comentados pelos realizadores e personalidades convidadas
Fotografia: © DR

Conheça o ciclo de cinema e debate “Democracia e Inquietação”, organizado pelo Centro de Estudos Sociais (CES) da Universidade de Coimbra, e que decorre nos dias 4 de março, 1 e 30 de abril de 2015, no Teatro da Cerca de S. Bernardo.

Com a crise económica e financeira de 2008 intensificaram-se as narrativas em torno da crise da democracia representativa. Portugal, como a caverna de Platão, apresenta-se como um espaço privilegiado para a análise das várias repercussões dessas “crises” e das sombras que a compõem. O ciclo de cinema “Democracia e Inquietação”, composto por três documentários recentes sobre a temática em Portugal e um filme nascido de diálogos com ativistas e intelectuais não europeus, propõe-se a construir um debate entre realizadores/as, comentadores/as e público sobre as várias “inquietações” que têm pautado a relação entre Democracia, Crise e Troika, discutindo ainda alternativas possíveis, e urgentes, para Portugal.

Nesse sentido, o programa do ciclo é composto pela exibição de 4 filmes, que vão ser comentados pelos respetivos realizadores e personalidades convidadas para o efeito.

Assim:
1ª Sessão | 4 de março de 2015, 21h30
Dreamocracy” [Portugal , 2014, 80’, M/12] de Raquel Freire e Valérie Mitteaux
Debate com a presença das realizadoras e comentários de Boaventura de Sousa Santos

2ª Sessão | 1 de abril de 2015, 21h30
Uma revolução tranquila” [França/Portugal, 2014, 42’, M/12] de Giovanni Allegretti e Pierre Stoeber
Debate com a presença de Giovanni Allegretti e comentários de Maria Prazeres Francisco

3ª Sessão | 30 de abril de 2015, 21h30
Acima das nossas possibilidades” [Portugal, 2014, 43′, M/12] de Pedro Neves
Conversas do mundo” [Portugal, 2014, 33’, M/12] de Boaventura de Sousa Santos e Pedro Neves
Debate com a presença dos realizadores e comentários de José Manuel Pureza

 

Redes Sociais

Os comentários estão fechados

« »