Maria Nunes Pereira, recentemente distinguida pelo MIT e pela FORBES como uma das 30 pessoas, com menos de 30 anos, mais relevantes do Mundo, na categoria de Cuidados de Saúde, volta à Faculdade de Farmácia da Universidade de Coimbra (FFUC), onde se formou, na próxima sexta-feira, dia 16 de janeiro.

Maria Nunes Pereira vai participar nas comemorações do Dia da Faculdade de Farmácia, que têm início, pelas 14h30m, no Anfiteatro Tomé Pires (programa disponível aqui), no Polo das Ciências da Saúde, onde profere a Conferência ““Adhesives for tissue repair: from the bench to the bedside”.

De acordo com a Direção da Faculdade de Farmácia, «a conferência e a conferencista não podiam ser mais representativas do que é o lema da FFUC hoje: “A construir o FUTURO no PRESENTE”. O reconhecimento internacional da Doutora Maria José Nunes Pereira é hoje por demais confirmado e fazer a sua apresentação torna-se desnecessário. Fica, por isso, o convite para assistir à conferência e perceber a relevância dos trabalhos desenvolvidos e a desenvolver pela ex-estudante da FFUC».

O “Dia da Faculdade” engloba ainda a inauguração de um Painel intitulado “Sinopse da História da Farmácia”, elaborado em português e em inglês. A conceção e conteúdos científicos do Painel são da responsabilidade de Célia Cabral e João Rui Pita, da Faculdade de Farmácia da Universidade de Coimbra e do Centro de Estudos Interdisciplinares do Século XX da Universidade de Coimbra – CEIS20 (afetos ao Grupo de História e Sociologia da Ciência e da Tecnologia). O Painel é constituído por sete módulos que, em traços gerais, resumem a história da farmácia e das ciências farmacêuticas dando uma visão nacional e internacional desse percurso, sendo assinalados os principais factos dessa história com cerca de cinco mil anos.

«Na síntese realizada houve o objetivo de fazer os traços gerais dos grandes quadros e das grandes questões profissionais e científicas. Na cronologia houve a preocupação de inserir marcos fundamentais, pois há figuras incontornáveis, há descobertas científicas absolutamente cruciais e há momentos profissionais igualmente imprescindíveis numa cronologia. Para cada época referem-se alguns acontecimentos portugueses marcantes e houve a intenção de assinalar, igualmente, a história da Faculdade de Farmácia da Universidade de Coimbra», explica a Direção da FFUC.

 

A Faculdade de Farmácia
O Ensino Farmacêutico nos muros universitários em Portugal e em Coimbra, em particular, foi um facto pioneiro. Porém, o seu reconhecimento como curso de Ensino Superior só aconteceu em 1902 e o surgimento das Faculdades de Farmácia só viria a ser consignado em1921, concretamente a 18 de Janeiro, através do Decreto nº 7.238.
Noventa e cinco anos após a sua criação e cinco anos depois da sua mudança completa para as atuais instalações, situadas no Pólo das Ciências da Saúde, um dos maiores, mais complexos e diversificados conjuntos de serviços europeus na área da Saúde, a Faculdade de Farmácia da Universidade de Coimbra (FFUC) comemora formalmente este ano, e pela primeira vez, o “seu dia”.

Redes Sociais

Os comentários estão fechados

« »