No próximo dia 2 de outubro, no Espaço RÓMULO –Centro Ciência Viva da Universidade de Coimbra, pelas 18:30h, terá lugar a sessão inaugural das Novas Conferências do Casino, subordinada ao tema Do Manifesto às Novas Conferências do Casino: Vamos repensar Portugal, reunindo oradores como Carlos Fiolhais, Eduardo Lourenço, Raul Miguel Rosado Fernandes e Ruy Vieira Nery.

Num momento de grande necessidade e urgência para o país, um grupo de cidadãos decidiram reeditar para o século XXI a experiência das Conferências do Casino do século XIX, então lideradas por Antero de Quental e participadas por figuras como Eça de Queirós e Adolfo Coelho, entre outros.

As Novas Conferências do Casino são uma iniciativa promovida na sequência da apresentação pública do Manifesto Contra a Crise: Compromisso com a Ciência, a Cultura e as Artes em Portugal, no passado dia 29 de janeiro na Fundação Calouste Gulbenkian, que foi subscrito por numerosas personalidades, entre os quais os escritores Lídia Jorge, Miguel Real e Teolinda Gersão e o músico Pedro Abrunhosa. O Manifesto foi promovido pelo Movimento Letras Com Vida (CLEPUL – Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa).

Encontram-se programadas oito sessões das Novas Conferências do Casino, sempre no último sábado de cada mês, às 16h, no Casino do Estoril, a partir do dia 25 de outubro de 2014, estando a última agendada para 27 de junho de 2015. As sessões pretendem contribuir para a criação de um espaço de debate cívico à volta de algumas das questões mais prementes da atualidade no que respeita à cultura, ciência e inovação em Portugal, acreditando que só o investimento continuado na qualificação das pessoas e a mobilização urgente de pessoas qualificadas poderá garantir o futuro desenvolvimento do país.

Nesse sentido, as sessões contam reunir algumas vozes representativas das mais diversas áreas da ciência e cultura portuguesas, como António Nóvoa, António Pedro Vasconcelos, Boaventura de Sousa Santos, Carlos Fiolhais, Guilherme d’Oliveira Martins, Luís Filipe Barreto, Viriato Soromenho Marques, entre outros. Do debate de cada sessão ficará o registo de sugestões e propostas de ideias susceptíveis de serem concretizadas institucionalmente nas diferentes áreas da vida nacional, que serão transmitidas às instâncias competentes.

Mais informações aqui.

Redes Sociais

Os comentários estão fechados

« »