Ciência e Religião em debate no Centro de Ciência Viva da UC

Jan 22, 2015

PartilheShare on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Email this to someone

Rómulo Ciência Viva
O debate "Ciência e Religião" terá lugar no Centro Ciência Viva da UC pelas 21h15.
Fotografia: © UC | Karine Paniza

“Apesar de muitas vezes se dizer que o avanço da ciência leva à retirada de Deus e da religião, uma não exclui a outra, mas que são dois modos complementares de descrever a experiência humana no mundo”. Este é um dos assuntos que vai ser debatido no RÓMULO– Centro Ciência Viva da Universidade de Coimbra por Álvaro Balsas.

Apesar de muitas vezes se dizer que o avanço da ciência leva à retirada de Deus e da religião, uma não exclui a outra

O Professor da Faculdade de Filosofia da Universidade Católica de Braga explica que existem vários pontos de “interseção entre a Ciência e a religião”. Mas, para o docente, “o ponto essencial é que é o mesmo ser humano integral que busca conhecer, pela ciência ou pela fé. Assim, os resultados das duas não podem, em princípio, contradizer-se”.”Se chegar a uma contradição, isso sinaliza apenas que a investigação deverá prosseguir para uma compreensão mais detalhada e aprofundada dos dados alcançados”, conclui.

Álvaro Balsas tenta também responder a questões muito difundidas pela sociedade atual como: A ciência tem razões que tornam a fé em Deus obsoleta? A explicação científica pode aplicar-se a todos os âmbitos da experiência humana no mundo ou tem limites? Toda a argumentação não científica, como a teológica, é irracional e baseada em dogmas? Ciência e fé são incompatíveis ou há possibilidades de encontro entre elas?

O debate “Ciência e Religião” terá lugar no RÓMULO– Centro Ciência Viva da Universidade de Coimbra a 22 de janeiro de 2015, pelas 21h15.

 

Sobre o orador
Álvaro Balsas nasceu na Figueira da Foz, em 1963. Licenciado em Física pela Universidade de Coimbra, foi Assistente de Física na Universidade de Aveiro, onde prestou Provas de Aptidão Pedagógica e Capacidade Científica na área de Mecânica Quântica. Fez estudos de Filosofia na Universidade Católica (Braga) e de Teologia (Madrid e Berkeley, USA), tendo obtido o grau de Mestre em Teologia Sistemática, com a tese Divine Action and the Laws of Nature: An Approach Based on the Concept of Causality Consonant with Contemporary Science. É doutorado em Filosofia da Ciência pela Universidade Católica Portuguesa, com a tese Realismo e Localidade em Mecânica Quântica ‐ “interpretações ontológicas da Mecânica Quântica”.
Professor da Faculdade de Filosofia da Universidade Católica Portuguesa (UCP), em Braga, ensina as disciplinas de Cristianismo e Cultura, Lógica, Estatística, Filosofia da Natureza, Filosofia Medieval, Origens do Cosmos e do Homem, Temas e autores de Filosofia Contemporânea e Desencontros contemporâneos entre religião e ciência.
Tem desenvolvido e publicado a sua investigação em revistas nacionais e estrangeiras, nas áreas de Fundamentos e Filosofia da Mecânica Quântica, de Física da Matéria Condensada, de Filosofia da Ciência e de Ciência e Religião, sendo também Adjunto do Director da Revista Portuguesa de Filosofia e membro do júri do prémio da sociedade portuguesa de filosofia. É sacerdote e membro da Companhia de Jesus.

 

Redes Sociais

Os comentários estão fechados

« »