Energia verde produzida na FCTUC já permitiu a redução de 230 toneladas de CO2 de emissões para a atmosfera

Jan 27, 2015

PartilheShare on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Email this to someone

Paineis FCTUC
Os painéis fotovoltaicos estão instalados no edifício central e no Departamento de Eng. Mecânica da FCTUC
Fotografia: © DR

Há dois anos a produzir energia elétrica verde, a Faculdade de Ciências e Tecnologia da Universidade de Coimbra (FCTUC), a primeira instituição de ensino superior do país a instalar painéis fotovoltaicos para comercializar eletricidade, já obteve um significativo retorno financeiro e contribuiu para reduzir em 230 toneladas as emissões de CO2 para a atmosfera.

Até agora foi produzido um total de 500 MWh (Megawatt-hora), energia suficiente para abastecer duas centenas de habitações familiares durante um ano.

O diretor da FCTUC, Luís Neves, sublinha que «o balanço destes dois anos é muito positivo. Para além de um retorno financeiro importante, a FCTUC tem contribuído para a produção de energia elétrica limpa, acrescendo ainda as valências do sistema fotovoltaico para fins pedagógicos e de investigação no âmbito das atividades da faculdade».

A aquisição e a instalação dos 600 painéis fotovoltaicos, divididos pelo edifício central (200) e pelo Departamento de Engenharia Mecânica (400) da Faculdade de Ciências e Tecnologia da Universidade de Coimbra (FCTUC), tiveram o contributo do Banco Santander-Totta.

Redes Sociais

Um comentário a Energia verde produzida na FCTUC já permitiu a redução de 230 toneladas de CO2 de emissões para a atmosfera

  1. Luis Sá diz:

    Parabéns

« »