Abrem-se as cortinas para a temporada 2015/2016 do TAGV

Set 10, 2015

Entre setembro e dezembro de 2015 estão previstas "169 sessões públicas".

PartilheShare on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Email this to someone

No ano do seu 54º aniversário, o Teatro Académico de Gil Vicente (TAGV) vai ser o palco privilegiado de um conjunto de espetáculos que chegam a Coimbra. A linha programática para a nova temporada do TAGV  é sublinhada como “intensa” e “seletiva” pelo diretor Fernando Matos de Oliveira. Outro destaque referido pelo diretor é que entre setembro e dezembro de 2015 estão previstas “169 sessões públicas”.

São muitas as opções de programação na área da música. A banda Mancines vai apresentar o álbum “Eden’s Inferno”, no Dia Mundial da Música, a 01 de outubro. Já no dia 23 do mesmo mês, o TAGV realiza um concerto em comemoração aos 40 anos de carreira da Brigada Victor Jara, e trás ainda o fadista Camané a 4 de novembro e a cantora Márcia a 12 de dezembro.

Uma das grandes diferenças será o papel reforçado do centro de dramaturgia contemporânea

Na área do teatro, o TAGV vai contar com projetos internacionais como o École des Maîtres, apresentado a 17 de outubro com espetáculo “O Capital”. É a encenação de “um livro de um ensaista importante sobre a situação contemporânea da Europa e do mundo global” detalha Fernando Oliveira. Nos dias 23 e 24 de novembro, a  coprodução do TAGV e a companhia Marionet vão apresentar a peça “Luz”.

“Uma das grandes diferenças será o papel reforçado do centro de dramaturgia contemporânea além de um conjunto de parcerias que acentuam esse trabalho de integração da cidade que faremos em vários ciclos”, destaca Fernando Matos de Oliveira. Tendo como objetivo  “a divulgação, o conhecimento e a promoção da dramaturgia”, o TAGV em parceria com a companhia A Escola da Noite, vai dinamizar sessões mensais com o Clube de Leitura Teatral.

Já para a programação cinematográfica, Fernando Oliveira ressalta “o desafio de a manter como área privilegiada”. Para isso, a estratégia é “a apresentação de filmes novos e  de ciclos de cinema, em cópia restaurada ou ciclos autorais, que permitam também a construção de uma nova experiência”. O espaço recebe vários eventos relacionados com o cinema, como o 21º Festival Caminhos do Cinema Português, de 29 novembro a 4 de dezembro.

O diretor do TAGV destacou, durante a apresentação que teve lugar a 9 de setembro na Casa das Caldeiras, o “balanço positivo” dos últimos quatro anos de funcionamento do espaço, com uma média anual de 70 mil espetadores.

Reportagem realizada por Thaíssa Neves, estagiária Projeto Imagem, Media e Comunicação da Universidade de Coimbra.

Redes Sociais

Os comentários estão fechados

« »