“Cartas não são papéis velhos” e está a chegar um workshop que o quer provar

Mar 27, 2019

Evento tem lugar a 4 de abril, no Arquivo da Universidade de Coimbra, entre as 9h45 e as 17 horas.

PartilheShare on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Email this to someone

Workshop Correios
Fotografia: © UC | Marta Costa

Pombos correio, cartas de amor, epistolários, mensagens militares ou a mera marcação de uma reunião. São todas formas de comunicar que mostram o valor da correspondência. Este é o ponto de partida para o workshop “Nos Caminhos dos Correios: o valor da correspondência nos séculos XVIII-XIX”, que acontece a 4 de abril, no Arquivo da Universidade de Coimbra (UC).

“Nós optámos por usar o caminho da correspondência no sentido de ligação”, explica a coordenadora científica do evento, Maria José Azevedo Santos. A coordenadora sublinha que uma “correspondência não é só a troca de mensagem ou a troca de cartas, é a ligação entre pessoas, é a ligação entre caminhos”.

Com início marcado para as 9h45, a iniciativa conta com a participação de vários oradores que vão abordar temas como a história dos CTT em Portugal ou a columbofilia, desde o papel do pombo correio nos dias de hoje com o aparecimento das redes sociais e correios eletrónicos até o papel do pombo correio internacionalmente. As diferentes comunicações comprovam, para Maria José Azevedo Santos, “o caráter multidisciplinar do evento”.

“Nos Caminhos dos Correios: o valor da correspondência nos séculos XVIII-XIX” vai contar também com uma exposição sobre parte do acervo da epistolar da UC. “São milhares de cartas” que o Arquivo da Universidade de Coimbra possui, sublinha Maria José Azevedo Santos. Vão ser mostradas, por exemplo, cartas de processos judiciais, conta a responsável.

Para terminar o evento, está prevista a realização de uma oficina que vai mostrar como se fazia uma carta nos séculos XVIII-XIX. “Vamos utilizar o lacre, carimbos e papel, para fazer as cartas caminharem”, finaliza a coordenadora científica do projeto.

As inscrições, que são gratuitas, podem ser feitas através do mail chsc@ci.uc.pt até 1 de abril e estão sujeitas ao limite de 30 vagas. Mais informação sobre o evento aqui.

 

Conheça toda a programação da 21.ª Semana Cultural da Universidade de Coimbra aqui.

 

Marta Costa e Karine Paniza

Redes Sociais

Os comentários estão fechados

« »