“Os interesses da Faculdade e dos seus e suas estudantes estarão sempre em primeiro lugar”, garantiu o Diretor da FLUC

Jul 17, 2019

Rui Gama sucede a José Pedro Paiva, assumindo a direção da FLUC no biénio 2019-2021.

PartilheShare on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Email this to someone

Tomada de Posse Rui Gama FLUC
Fotografia: © DR

“Para responder aos desafios sociais e às oportunidades das novas tecnologias, é preciso começar por refletir sobre o fator humano. E isso é precisamente aquilo que uma Faculdade como a de Letras procura fazer diariamente”. Rui Gama foi empossado como Diretor da Faculdade de Letras da Universidade de Coimbra (FLUC) em cerimónia na Sala do Senado. E foi para uma sala cheia que o docente enumerou alguns dos principais desafios que a FLUC enfrenta: “o ensino e a forma de ensinar, a investigação e as novas áreas científicas estratégicas que deveremos privilegiar, e os recursos humanos, docentes e não docentes, como oportunidades a valorizar”.

Rui Gama garantiu que vai “continuar as transformações que têm vindo a ser concretizadas” e, ao mesmo tempo, o foco vai ser “de encontrar soluções para mobilizar os e as estudantes para um envolvimento ainda mais ativo nas atividades de ensino-aprendizagem e na vida da Faculdade”. A requalificação dos espaços físicos foi outro dos desafios apontados pelo Diretor da FLUC para o biénio que agora inicia.

“Queremos que a Universidade de Coimbra seja cada vez maior, mais participativa e mais relevante na procura de soluções para um mundo em mudança”, sublinhou ainda Rui Gama. O Diretor da FLUC assumiu ainda que, nos próximos dois anos, “os interesses da Faculdade e dos seus e suas estudantes estarão sempre em primeiro lugar”.

O Reitor da UC, Amílcar Falcão, destacou que, ao “olharmos para trás, vemos que a FLUC tem tido um desenvolvimento notável a vários níveis”. “Só posso aplaudir, porque a continuidade e a consolidação destes projetos são fundamentais para a UC”, sublinhou.

Rui Gama vai ser acompanhado de Ana Paula Loureiro, Isabel Camisão, Pedro Carvalho e Sílvio Santos como sub-diretores da FLUC.

 

Marta Costa e Karine Paniza

Redes Sociais

Os comentários estão fechados

« »