República da Praça dinamiza crowdfunding

Nov 4, 2015

Para ajudar a pagar o empréstimo, os repúblicos lançaram uma campanha de crowdfunding que pretende angariar 50 mil euros em três meses

PartilheShare on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Email this to someone

À República da Praça nunca faltaram batalhas. As da Academia e as do país. Mas não só. “Lutamos contra o senhorio, contra ações de despejo e até vivemos durante um ano e meio sem água, mas isso já está no passado” explica João Tavares. Mais recentemente, com o novo regime de arrendamento urbano, a República da Praça foi despejada e saiu em busca de um novo lar. “O antigo senhorio ofereceu-nos um contrato que era como um contrato de morte e decidimos não assinar” reconhece o repúblico.

Foi com a ajuda de todas as outras repúblicas de estudantes, do reitor da Universidade de Coimbra, João Gabriel Silva, e dos antigos e atuais repúblicos que se tornou possível fazer um pedido de empréstimo ao banco que serviu para a aquisição de uma nova casa, localizada na rua João de Deus. “Quando reunimos todas as condições para realizar a escritura, acabou por se tornar mais uma batalha ganha e o objetivo concretizou-se, que era manter a república e todo o seu legado” sublinha João Rato, outro dos residentes da República da Praça.

Para ajudar a pagar o empréstimo, os repúblicos lançaram uma campanha de crowdfunding online que pretende angariar 50 mil euros durante três meses. A campanha foi apresentada em conferência de imprensa no passado dia 2 de novembro, com a presença do reitor da UC, o presidente da Direção-Geral da Associação Académica de Coimbra, Bruno Matias, e de vários repúblicos e antigos repúblicos.

Veja aqui como pode contribuir para a campanha de crowdfunding e ajudar a República da Praça a amortizar o empréstimo.

 

 

Redes Sociais

Os comentários estão fechados

« »