A música tradicional sobe a palco com o I entreCordas

Nov 15, 2018

Evento é promovido pelo Grupo de Cordas da Secção de Fado da Associação Académica de Coimbra no âmbito do 35.º aniversário do grupo.

PartilheShare on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Email this to someone

Grupo de Cordas_DRJorgeGraça
Fotografia: © DR | Jorge Graça

No ano em que se assinalam os 35 anos, o Grupo de Cordas da Secção de Fado da Associação Académica de Coimbra (SF/AAC) organiza o I Festival entreCordas. Marcado para 17 de novembro no Conservatório de Música de Coimbra, pretende ser “um espetáculo com qualidade musical” com dois objetivos principais: “fazer um tributo” a Amadeu Magalhães e “conseguir gerar um contraste entre folclore português e estrangeiro”, explica o diretivo do grupo, Tiago Gonçalves.

O Grupo de Cordas toca “maioritariamente música tradicional, com foco na música tradicional portuguesa”, continua o responsável. “Cada país tem a sua abordagem à música tradicional”, sublinha Tiago Gonçalves. Para o diretivo do grupo da SF/AAC, “os instrumentos usados são os mesmos, a abordagem musical é que varia”. Para o espetáculo, Tiago Gonçalves conta que o grupo convidou Daniel Casares, “para mostrar flamenco”. “As culturas, apesar de terem na base o mesmo instrumento, têm sonoridades diferentes. O nosso objetivo é mostrar à cidade como é que isto acontece”, defende o diretivo do Grupo de Cordas.

Com cerca de dez elementos ativos atualmente, o Grupo de Cordas da SF/AAC é, habitualmente composto por elementos que tocam cajon, cavaquinho, bandolim, guitarra clássica, guitarra folk e baixo.

Para além do espetáculo, marcado para as 21 horas, está ainda prevista uma masterclass de cordofones com Amadeu Magalhães. As inscrições já estão abertas.

Mais informações sobre o I entreCordas podem ser encontradas aqui.

entrecordas SFAAC

 

Marta Costa

Redes Sociais

Os comentários estão fechados

« »