Academia Portuguesa da História premeia investigadores da FLUC

Nov 21, 2018

A 5 de dezembro acontece a cerimónia de entrega dos prémios, na sede da Academia Portuguesa da História, em Lisboa.

PartilheShare on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Email this to someone

FLUC letras
Fotografia: © UC | Marta Costa

Filipe Folque de Mendóça, João Gouveia Monteiro e Saúl António Gomes, investigadores do Centro de História da Sociedade e da Cultura da Faculdade de Letras da Universidade de Coimbra (FLUC), são três dos nomes premiados pela Academia Portuguesa da História, em mais uma edição dos seus prémios anuais.

O Prémio História Moderna e Contemporânea de Portugal foi atribuído à obra “O Duque de Loulé. Crónica de um Percurso Político (1804-1875)”, da autoria de Filipe Folque de Mendóça.

João Gouveia Monteiro, professor associado da FLUC, foi contemplado com o Prémio Augusto Botelho da Costa Veiga, pela obra “Nuno Álvares Pereira. Guerreiro, Senhor Feudal, Santo. Os três rostos do Condestável”.

Já o Prémio de História Prof. Doutor Francisco da Gama Caeiro foi entregue a Saúl António Gomes, também professor associado da FLUC, pela obra “Leiria. Cidade e Diocese. 1545-1918. Documentos Fundacionais”.

A cerimónia de entrega dos prémios tem lugar no dia 5 de dezembro, na sede da Academia Portuguesa da História (Palácio dos Lilases), em Lisboa.

 

FLUC

Redes Sociais

Os comentários estão fechados

« »