O professor da Universidade de Coimbra e ensaísta Carlos Reis conquistou hoje o Prémio Vergílio Ferreira 2020, atribuído pela Universidade de Évora (UÉ).

Carlos Reis foi escolhido por unanimidade pelo júri do prémio. Considerado “um dos mais relevantes ensaístas da atualidade”, o docente da Faculdade de Letras da UC é distinguido com o Prémio Vergílio Ferreira “pelo seu notável contributo no domínio do ensino da Literatura, dos Estudos Literários e da divulgação internacional da Língua e da Cultura portuguesas”.

O Prémio Vergílio Ferreira foi instituído pela Universidade de Évora em 1997 e, de acordo com a instituição, “destina-se a galardoar anualmente o conjunto da obra literária de um autor de língua portuguesa relevante no âmbito da narrativa e/ou ensaio”.

O galardão é habitualmente entregue a 1 de março, o dia “em que se assinala o aniversário da morte do seu patrono e autor de ‘Aparição’”, indica ainda a UÉ.

Redes Sociais

Os comentários estão fechados

« »