a carregar...

A 7 de novembro assinala-se o Dia Internacional da Física Médica. Para marcar a data, a Divisão de Física Médica da Sociedade Portuguesa de Física, em conjunto com o Departamento de Física da Faculdade de Ciências e Tecnologia da Universidade de Coimbra (FCTUC), promove uma sessão solene, uma mesa redonda intitulada “Transposição da Diretiva 2013/59/Euratom, impacto para a Física Médica”, dedicada à análise e discussão do impacto que a transposição da Diretiva 2013/59/Euratom (diretiva_2013_Euratom) terá no exercício profissional dos físicos médicos, e vários debates ao longo do dia.

A iniciativa, que tem lugar no Departamento de Física da FCTUC, a partir das 9 horas, assinala também o 150.º Aniversário de Marie-Curie, expressando o reconhecimento internacional pelos seus trabalhos científicos, que conduziram à descoberta da radioatividade, e que foram de grande importância para a afirmação desta área.

Assim, vão estar em debate de forma transversal todos os aspetos relacionados com o exercício da profissão, tais como funções e responsabilidades, nomeadamente no âmbito da proteção e segurança radiológica nos hospitais, a formação, o treino e a certificação dos profissionais.

A sessão integra-se no Encontro Nacional de Física Médica – FISMED2017 – que está a decorrer em Coimbra e que junta físicos médicos portugueses e também estudantes, professores e investigadores interessados na área da Física Médica.

 

DIFM

 

Cristina Pinto

Redes Sociais

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *


*

« »

oo