Estudantes chamados a decidir o futuro da garraiada

Fev 23, 2018

Referendo aos estudantes da AAC está marcado para 13 de março.

PartilheShare on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Email this to someone

queima das fitas preparação do cortejo da queima
A garraiada é uma das atividades tradicionais da Queima das Fitas de Coimbra, onde também se inclui o cortejo
Fotografia: © UC | Marta Costa

A edição de 2018 da Queima das Fitas de Coimbra pode mudar. A garraiada, evento tradicional do programa da festa dos estudantes, sofreu algumas alterações nos últimos anos . Ao longo dos últimos anos, o evento gerou “discussão no seio da Academia”. Por isso, em 2016, a estrutura da garraiada foi alterada: apesar de manter a “essência tauromáquica”, foi retirada “a vertente da lide do touro, a pé e a cavalo”, explica em nota de imprensa a organização.

Para 2018, a Comissão Organizadora da Queima das Fitas (COQF) “decidiu por unanimidade propor a abolição da garraiada como evento tradicional da festa”. Agora, cabe aos estudantes decidir. O Conselho de Veteranos e a Associação Académica de Coimbra, que tutelam o evento, divulgaram a realização de um referendo, a 13 de março, para que os estudantes se manifestem sobre a garraiada.

O referendo vai ser realizado junto dos estudantes, nas várias faculdades da Universidade de Coimbra.

 

Marta Costa

Redes Sociais

Os comentários estão fechados

« »