Serenata da Estudantina Universitária de Coimbra emociona o País e o mundo

Abr 14, 2020

Iniciativa juntou antigos e atuais alunos, espalhados por todos os cantos do planeta, para cantar "À Meia-Noite Ao Luar".

PartilheShare on FacebookTweet about this on TwitterEmail this to someone

Mais de 130 alunos e antigos alunos da UC, em 21 países diferentes, juntaram-se no sábado, 11 de abril, para uma serenata de esperança.

Foram “todas as gerações” de elementos da Estudantina Universitária de Coimbra (EUC), da Secção de Fado da Associação Académica de Coimbra (AAC) que, espalhadas por todos os cantos do planeta, se juntaram à iniciativa, conta Francisco Cidade, do conselho diretivo da EUC.

O estudante de Engenharia Física da Faculdade de Ciências e Tecnologia da Universidade de Coimbra recorda que a ideia surgiu de um antigo estudantino e atual jornalista da TVI, Pedro Carvalhas, como “desafio para homenagear os portugueses e para mandar uma mensagem de esperança”. “E quem melhor que a Estudantina para o fazer?”, acrescenta Francisco Cidade.

A mensagem de esperança juntou atuais e antigos estudantes da Universidade de Coimbra em diferentes latitudes, de Portugal aos Estados Unidos da América, passando pelo Brasil, Holanda, Vietnam, Itália, Espanha, entre outros.

A EUC quis dedicar a Serenata “a toda a população portuguesa, principalmente aqueles que diariamente se arriscam para que a vida continue o mais normal dentro do possível, em especial aos profissionais de saúde, a quem se encontra doente e respetivos familiares”.

“Uma vez Estudantino, Estudantino para sempre”, repetem os membros do grupo ao explicar o que significa integrar a EUC. Por isso, para além da junção das vozes e instrumentos dos cerca de 130 elementos, nas suas casas, durante a Serenata pode ouvir-se no solo, a gravação da voz de Paulo Saraiva, ou Bummi. O antigo “estudantino” que faleceu na década passada foi o solista original da música e a sua voz, retirada dos arquivos da EUC, foi acrescentada à gravação como homenagem.

“À meia-noite ao Luar” ouviu-se à meia-noite em ponto, através da TVI e TVI24. Com mais de um milhão de visualizações e 25 mil partilhas [à data de publicação deste artigo] “o resultado final superou completamente as expetativas que tínhamos”, garante Francisco Cidade.

“Ninguém estava à espera da dimensão que teve no final”, acrescenta o estudante que desvenda que continuam a receber mensagens de agradecimento pela iniciativa. “A Estudantina continua a ser o que sempre foi e a cumprir o seu papel na sociedade”, conclui.

Veja aqui os testemunhos de alguns dos antigos alunos da Universidade de Coimbra que participaram na Serenata organizada pela EUC, dos vários cantos do mundo, desde Coimbra aos Estados Unidos da América, de Massamá a São Paulo.

Karine Paniza e Marta Costa

Redes Sociais

Os comentários estão fechados

« »