A Faculdade de Medicina da Universidade de Coimbra (FMUC) arrecadou três distinções no 27.º Congresso Anual da Ordem dos Médicos Dentistas, que decorreu no último fim de semana, no Porto. O Prémio Comunicação Oral de Revisão foi atribuído ao trabalho “Protecção pulpar direta: qual é a terapêutica mais efectiva? – revisão sistemática e meta-análise”, da docente Anabela Paula. O 1.º prémio na categoria Comunicação Oral–Vídeo distinguiu “Tratamento cirúrgico da peri-implantite com xenoenxerto e L-PRF”, que teve como primeiro autor o professor Orlando Martins. E como Melhor Poster de Casos Clínicos foi destacado “Distração Osteogenica – caso clínico”, da aluna Margarida Bastos Lopes.

Eunice Carrilho, Anabela Paula e Manuel Marques Ferreira

Eunice Carrilho, Anabela Paula e Manuel Marques Ferreira

No trabalho “Protecção pulpar direta: qual é a terapêutica mais efectiva? – revisão sistemática e meta-análise”, os autores Anabela Paula, Mafalda Laranjo, Carlos Miguel Marto, Siri Paulo, Ana Abrantes, João Casalta-Lopes, Manuel Marques Ferreira, Maria Filomena Botelho e Eunice Carrilho (docentes da FMUC e investigadores do Instituto de Investigação Clínica e Biomédica de Coimbra) estudaram a eficácia dos biomateriais e das técnicas preconizadas nas terapêuticas de proteção pulpar direta para proteção do tecido pulpar exposto. O estudo teve a colaboração de Helena Donato, diretora do Serviço de Documentação dos Centro Hospitalar e Universitário de Coimbra (CHUC).

Orlando Martins e Sérgio Matos

Orlando Martins e Sérgio Matos

Por sua vez, “Tratamento regenerativo da peri-implantite com xenoenxerto e L-PRF”, trabalho de Orlando Martins e Sérgio Matos, docentes da FMUC, apresenta uma nova e inovadora técnica cirúrgica para a resolução da peri-implantite (infeção em torno dos implantes com perda de tecido ósseo).

Inês Francisco, Patrícia Quaresma, Adriana Guimarães, Francisco do Vale, Margarida Lopes, António Bettencourt, Adriana Sobral e Ana Roseiro

Inês Francisco, Patrícia Quaresma, Adriana Guimarães, Francisco do Vale, Margarida Lopes, António Bettencourt, Adriana Sobral e Ana Roseiro

Por fim, o poster “Distração Osteogénica-Caso Clínico”, apresentado por Margarida Bastos Lopes, sob a coordenação do professor Francisco do Vale, relata a utilização de uma técnica ortodôntico-cirúrgica inovadora para tratamento de pacientes portadores de síndromes crânio-faciais e fendas lábio-palatinas, que está a ser desenvolvida e aplicada pela Pós-Graduação em Ortodontia da FMUC em conjunto com o Serviço de Cirurgia Maxilo-Facial do CHUC. Os autores deste trabalho foram os alunos Margarida Bastos Lopes e António Bettencourt Lucas, a médica Sandra Ferreira, do CHUC, e os docentes Ana Roseiro, Inês Francisco e Francisco do Vale.

 

FMUC

Redes Sociais

Os comentários estão fechados

« »