Mérito

Docente da Universidade de Coimbra vence prémio ibérico de Arquitetura

Os prémios FAD de Arquitetura e Interiorismo distinguem anualmente as melhores obras de arquitetura ibérica.

15 junho, 2022≈ 2 mins de leitura

© José Campos

O projeto de reabilitação do Paço dos Condes de Ourém, da autoria de João Mendes Ribeiro, docente do Departamento de Arquitetura (DARQ) da Faculdade de Ciências e Tecnologia da Universidade de Coimbra (FCTUC), venceu o prémio de opinião, na categoria “Interiorismo” (design de interiores), dos prémios FAD de Arquitetura e Interiorismo 2022.

Os prémios FAD de Arquitetura e Interiorismo são promovidos pelo Fomento de las Artes y del Diseño desde 1958 e distinguem anualmente as melhores obras de arquitetura ibérica. Na edição deste ano foram apresentadas 434 obras.

Segundo o júri do prémio, composto por Inês Lobo (presidente), Paloma Cañizares, Josep Puigdomènech, Pep Quilez, Maria Rubert de Ventós e Jorge Vidal, a reabilitação do Paço dos Condes de Ourém «é uma obra de grande sensibilidade. A reconstrução das paredes originais fornece as pistas para a intervenção horizontal e, no entanto, João Mendes Ribeiro não segue o espaço original: dá opções, oferece uma solução flexível, permitindo alternativas futuras. Os espaços expositivos mostram a mesma atitude: a opção, a intervenção potencial».

Partilhe