Multimédia

Os desafios das Mulheres e Meninas na Ciência

O Dia Internacional das Mulheres e Meninas na Ciência assinala-se a 11 de fevereiro.

11 fevereiro, 2022≈ 2 mins de leitura

(da esquerda para a direita) Maria Casqueira, Catarina Silva, Daniela Ribeiro Pinheiro, Giovanna Imbernon e Susana Rodríguez-Echeverría.

© UC | Marta Costa

Na Universidade de Coimbra (UC), há um compromisso para a igualdade de género na produção de conhecimento científico. É objetivo da UC obter “diversidade nas equipas de investigação científica, processos de recrutamento, formação e comunicação inclusivos, e produção de conhecimento sensível ao género” de forma a garantir “uma investigação de maior qualidade e com maior impacto” (em https://www.uc.pt/research/gender)

Mas quais são, hoje, os desafios de ser mulher cientista? Em colaboração com o Instituto de Investigação Interdisciplinar da UC, no Dia Internacional das Mulheres e Meninas na Ciência, colocámos a questão a cinco investigadoras, de cada uma das cinco áreas estratégicas da Universidade de Coimbra. Da área do Clima, Energia e Mobilidade, Daniela Ribeiro Pinheiro, da área da Saúde, Maria Casqueira, da área do Património, Cultura e Sociedade Inclusiva, Giovanna Imbernon, da área dos Recursos Naturais, Agroalimentar e Ambiente, Susana Rodríguez-Echeverría e da área do Digital, Indústria e Espaço, Catarina Silva.

Conheça todas as ações do Plano para a Igualdade, Equidade e Diversidade da Universidade de Coimbra (PIEDUC) 2019-2023 relacionadas com o género em https://www.uc.pt/sustentabilidade/igualdade.

Conheça ainda o GendER@UC EEA GRANTS, um projeto que quer promover a igualdade de género na investigação científica, através da página https://www.uc.pt/iii/gender

Para mais informações sobre o projeto Gender-Equal Research, ou GendER@UC, que tem como objetivo “reforçar a integração da perspetiva de género nos processos e conteúdos de investigação da UC”, ver https://www.uc.pt/research/gender ou através dos endereços iii@uc.pt ou iiigender@uc.pt

Saiba mais sobre o Dia Internacional das Mulheres e Meninas na Ciência aqui.