Vai ser apresentado amanhã (quinta-feira, 5), em conferência de imprensa, o segundo álbum do grupo vocal Cupertinos, embaixador da música polifónica renascentista associada à matriz cultural da Universidade de Coimbra (UC). A iniciativa decorre pelas 12h00, na Sala D. João III do Arquivo da UC, com a presença do Vice-Reitor UC para a Cultura e Ciência Aberta, Delfim Leão, do corresponsável do projeto Mundos e Fundos do Centro de Estudos Clássicos e Humanísticos da UC, José Abreu, do Diretor do grupo Cupertinos, Luís Toscano, do Presidente da Fundação Cupertino de Miranda, Pedro Álvares Ribeiro, e de Ana Maria Bandeira, em representação da Direção do Arquivo da UC.

“Duarte Lobo: Masses, Responsories & Motets” (“Missas, Responsórios e Motetes”) é o nome do segundo CD dos Cupertinos, formação criada em 2009 com o objetivo de recuperar, estudar e divulgar o património musical português dos séculos XVI e XVII. Este álbum do grupo vocal residente da Fundação Cupertino de Miranda resgata obras do compositor Duarte Lobo, mestre da polifonia portuguesa dos séculos XVI/XVII.

O segundo álbum dos Cupertinos é mais uma expressão do trabalho realizado no âmbito do Projeto Mundos e Fundos do Centro de Estudos Clássicos e Humanísticos da UC, que faz o estudo e divulgação de fontes musicais portuguesas (sob o ponto de vista filológico, editorial e interpretativo), trazendo ao conhecimento do público alguns dos mais preciosos manuscritos de música antiga conservados na Biblioteca Geral da Universidade de Coimbra. Parte das músicas de “Duarte Lobo: Masses, Responsories & Motets” (que se julgavam desaparecidas) foram recuperadas no âmbito do trabalho de investigação do professor José Abreu.

Mais informações sobre o álbum, editado pela britânica Hyperion, estão disponíveis em http://bit.ly/CD-Cupertinos.

Rui Marques Simões

Redes Sociais

Os comentários estão fechados

« »