Paulo Peixoto, Professor Associado com Agregação da Faculdade de Economia da Universidade de Coimbra e atual Provedor do Estudante da Universidade de Coimbra, foi eleito presidente da Direção da Associação Portuguesa de Sociologia (APS).

A nomeação teve lugar durante a  Assembleia Geral realizada a  31 de março de 2021.

A APS, que realizou esta semana o seu XI congresso nacional, reuniu em Assembleia Geral para eleger os seus corpos sociais para o biénio 2021/2023. Para além de Paulo Peixoto, outros docentes da FEUC compõem os órgãos sociais da APS: Sílvia Portugal (Presidente do Conselho de Deontologia), Carlos Fortuna e Elísio Estanque (membros do Conselho Consultivo).

Da missão da APS, fundada em 1985, fazem parte, entre outros, os seguintes objetivos: promover o desenvolvimento da Sociologia e a atividade profissional dos sociólogos; dinamizar a investigação e o debate nas suas várias áreas científicas; divulgar junto das instituições e da opinião pública análises sobre a realidade portuguesa; promover a sua integração na comunidade sociológica internacional.

 

Paulo Peixoto
Professor Associado com Agregação do curso de Sociologia da Faculdade de Economia da Universidade de Coimbra; Provedor do Estudante da Universidade de Coimbra; membro da Direção do Institute of Research and Action on Fraud and Plagiarism in Academia.
Coordenou o núcleo de Sociologia da FEUC e o Mestrado em Sociologia da UC. Foi Presidente da Direção do SNESup (2006-2008); Diretor Executivo do CES (2008-2010); e Subdiretor da FEUC (2011-2013).
Coordena projetos de investigação científica e de extensão universitária.
Os seus interesses de investigação estão, presentemente, direcionados para os domínios da sociologia urbana e da sociologia da educação.
Membro da Direção da APS desde 2016.

 

FEUC

Redes Sociais

Os comentários estão fechados

« »