No Dia Mundial do Teatro, que hoje dia 27 de março se assinala, e impossibilitado de celebrar as artes do palco como previsto ao longo de uma semana, o Teatro Académico de Gil Vicente (TAGV) divulga a Mensagem deste ano, “O Teatro como Santuário” (link: https://tagv.pt/agenda/dia-mundial-do-teatro-2/), assinada por Shahid Nadeem (Paquistão).

O TAGV anuncia ainda as obras que resultaram da Seleção EURODRAM 2020 de textos originais em português:

“Estrada de Terra”/”Dirt Road”, de Tiago Correia;
“Morrer no Teatro”/”Dying in the Theater”, de Alex Cassal;
“As Árvores Deixam Morrer os Ramos mais Bonitos”/”Trees Let their most Beautiful Branches Die”, de Sílvio Vieira.

Em 2020 o TAGV assume a coordenação do Comité Português da rede EURODRAM, uma rede europeia de tradução teatral que trabalha com línguas da Europa, do Mediterrâneo e da Ásia Central. A Rede tem como principal objetivo traduzir, promover e dar a conhecer obras originais, focando-se particularmente na promoção da diversidade linguística e cultural. Organizada em 30 comités de leitura, repartidos por diversos países e territórios, envolve cerca de 300 membros e dispõe também a partir de hoje de um sítio dedicado em Portugal: www.eurodram.pt

No âmbito da call 2020 para originais, a Rede recebeu um total de 841 textos na Europa. O conjunto de 43 títulos recebidos em língua portuguesa são prova da qualidade e da inventividade que percorre a escrita para teatro em Portugal. Os textos serão agora disponibilizados para tradução, circulação, leituras públicas e outras atividades no âmbito dos contactos e parcerias da Rede. Os resultados obtidos no conjunto dos países e das línguas que integram o projeto EURODRAM pode ser consultado aqui.

O Comité Português é composto por 11 membros: Fernando Matos Oliveira/Coordenação (Universidade de Coimbra/Teatro Académico de Gil Vicente), Coimbra; Alexandra Moreira Da Silva (Université Sorbonne Nouvelle – Paris III), Paris; Carlos J. Pessoa (Teatro da Garagem), Lisboa; Constança Carvalho Homem (dramaturga, tradutora, atriz), Porto; Guilhermina Jorge (Universidade de Lisboa), Lisboa; Jorge Palinhos (dramaturgo, encenador, professor ESTC), Porto; Jorge Louraço Figueira (dramaturgo, encenador, professor ESMAE), Porto; José António Costa Ideias (Universidade Nova de Lisboa; CHAM – Centro de Humanidades – UNL), Lisboa; Mickael Oliveira (Investigador e diretor COLECTIVO84), Porto; Nuno M Cardoso (encenador, professor, ator, diretor artístico), Porto; Rui Pina Coelho (Universidade de Lisboa; Companhia das Ilhas), Lisboa.

Prosseguindo o trabalho de integração em Redes Nacionais e Internacionais, o TAGV mantém a sua participação na Rede 5 Sentidos e no projeto europeu de formação avançada École des Maîtres, que conta a partir de 2019 com a parceria do Teatro Nacional D. Maria II (TNDMII). O TAGV é uma estrutura da Universidade de Coimbra e um pólo formação, programação artística e produção de conhecimento no domínio das artes.

 

TAGV

Redes Sociais

Os comentários estão fechados

« »