Universidade de Coimbra e Praxis firmam protocolo de colaboração na área da Microbiologia e Bioquímica

Jul 12, 2021

O protocolo prevê colaborações conjuntas nomeadamente através da aplicação de controlo de qualidade químico e biológico na área da cervejaria artesanal.

PartilheShare on FacebookTweet about this on TwitterEmail this to someone

UC e Praxis firmam protocolo PauloAmaral2021
Pedro Batista, Paula Morais, Luís Simões da Silva e Arnaldo Batista na Sala do Senado
Fotografia: © UC | Paulo Amaral

A Universidade de Coimbra (UC) e a Praxis celebraram na Sala do Senado um protocolo de colaboração que “demonstra a multidisciplinaridade da UC”, afirma o Vice-Reitor para a Inovação e Empreendedorismo da UC, Luís Simões da Silva.

O protocolo de colaboração vai ser colocado em prática através da Coleção de Culturas de Bactérias da UC e, à semelhança de outros protocolos promovidos, tem como objetivo “aproximar a Universidade do tecido empresarial regional” e “promover a transferência de conhecimento”. De acordo com a coordenadora da Coleção de Culturas de Bactérias, Paula Morais, o protocolo “pretende ser um estímulo”. “A UC cria valor e divulga o conhecimento que produz. Atualmente, existe uma terceira missão, que é de participação ativa na sociedade em que se insere”. Paula Morais acrescenta que o acesso e apoio a empresas vai também potenciar uma “investigação mais próxima”.

Pedro Batista sublinhou que, “ao viver em Coimbra, vamos reconhecendo a grandeza da UC. No estrangeiro, percebemos a realidade da importância de parcerias”. O CEO da Praxis classificou a parceria como um desafio para o futuro e reforça que a empresa “está disponível para ser desafiada e para desafiar”. Também Arnaldo Batista, administrador da Praxis demonstrou estar satisfeito com a parceria. “A UC uma vez mais a dar mostrar de abertura à sociedade em que está inserida”, referiu. De acordo com o responsável, “temos o privilégio de estarmos próximo de centros de excelência, de inovação e de renome mundial que importa pôr ao serviço da comunidade empresarial na formação de riqueza”.

De acordo com as entidades envolvidas, o protocolo prevê ainda “o desenvolvimento de estágios (de verão, licenciatura e mestrados), a realização conjunta de artigos científicos e/ou teses, ou outros, e a realização de parcerias para candidaturas conjuntas a financiamentos competitivos nesta área do saber”. “Espero que com este protocolo sirva para podermos ver, no futuro, produtos novos, em que tenha havido contribuição da UC”, acrescentou também o Vice-Reitor, Luís Simões da Silva.

 

Marta Costa

Redes Sociais

Os comentários estão fechados

« »