Internacional

Universidade de Coimbra expande oferta formativa ao celebrar parceria com City University de Macau

A cerimónia decorreu simultaneamente na Sala do Senado da Reitoria da UC e no Auditório Stanley Ho do Consulado Geral de Portugal em Macau e Hong Kong.

06 setembro, 2021≈ 4 mins de leitura

© UC | Marta Costa

A Universidade de Coimbra (UC) e a City University de Macau assinaram um protocolo de entendimento que tem como objetivo a criação de um programa de estudos avançados em Relações Económicas Internacionais. “Este é um primeiro passo, mas como diz o ditado, mil milhas começam sempre com um primeiro passo”. O reitor da City University de Macau, Jin Liu, sublinhou “o orgulho para os alunos [da City University de Macau] que vão ter esta oportunidade adicional”. “Estamos ligados, pela língua e pela cultura”, continuou o responsável macaense. Com a nova oferta formativa conjunta, Jin Liu acredita que vai ser possível “expandir conhecimentos e horizontes”.

Um acordo que surge “como um importante reforço das relações entre a Universidade de Coimbra e a Região Administrativa Especial de Macau, e o fortalecimento da internacionalização da nossa instituição”, sublinha o Vice-Reitor para as Relações Externas e Alumni da UC, João Nuno Calvão da Silva. o programa de estudos avançados, a ser lecionado totalmente em inglês, foi também realçado pelo responsável visto que, “apesar de lecionar em Português continuar a ser uma marca da nossa instituição”, para João Nuno Calvão da Silva, é importante que a UC saiba ampliar a oferta educativa em Língua Inglesa enquanto “aposta decisiva para angariar estudantes de diversas partes do mundo e também para expandir a dimensão global da Universidade”.

Para além da Língua Portuguesa, Macau “é um território de imensa importância, enquanto porta de entrada no oriente”, acrescenta ainda o Diretor da Faculdade de Economia da UC, Álvaro Garrido. O responsável, que destaca “as fortes dinâmicas de internacionalização da FEUC”, garante que o “programa multidisciplinar, que acrescenta um semestre letivo ao mestrado que os estudantes da City University de Macau vão procurar”, “está na identidade da FEUC, com uma perspetiva de relações económicas internacionais, que é também uma perspetiva injuntiva ou de articulação entre a economia, a gestão e as relações internacionais”.

O acordo de cooperação “vai aumentar o prestigio de ambas as instituições e ter uma contribuição para a criação de valor e o estreitar de relações”, adiantou ainda o Cônsul de Portugal em Macau, Paulo Cunha Alves, também presente na cerimónia, que decorreu simultaneamente na Sala do Senado da Reitoria e no Auditório Stanley Ho do Consulado Geral de Portugal em Macau e Hong Kong. A cerimónia contou ainda com a participação do Diretor da Faculdade de Finanças da City University de Macau, Adrian Cheung, e Joaquim Ramos, Presidente do Instituto Português do Oriente em Macau e Antigo Estudante da Universidade de Coimbra. O novo programa está previsto arrancar em fevereiro de 2022.

 

Marta Costa e Karine Paniza
Partilhe