Rui Marcos recebe título de Membro Honorário da Academia Brasileira de Letras Jurídicas

Dez 15, 2017

A cerimónia tem lugar a 18 de dezembro, às 18 horas na Sala do Conselho Científico da FDUC.

PartilheShare on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Email this to someone

Rui Marcos
Fotografia: © UC | Marta Costa

Criada há 40 anos, a Academia Brasileira de Letras Jurídicas (ABLJ) reúne os principais juristas das várias áreas, “numa tentativa de desenvolver tanto o direito quanto a própria arte literária no campo jurídico”, conta o presidente da ABLJ, Francisco Amaral Neto.

Rui Marcos é o último de uma grande geração de historiadores da área do direito de Portugal

Dentro da Academia, existe uma categoria que são Membros Honorários, para os quais têm sido convidados juristas estrangeiros, e não brasileiros. Francisco Amaral Neto sublinha que o título pretende “reconhecer as grandes qualidades dos juristas que são indicados”. Por isso, a Academia Brasileira de Letras Jurídicas resolveu atribuir ao diretor da Faculdade de Direito da Universidade de Coimbra (FDUC), Rui Marcos, o título de Membro Honorário.

O diretor da FDUC “tem tido uma presença constante no Brasil, onde tem demonstrado uma grande cultura jurídica e tem-se revelado também um grande historiador”, continua o presidente da ABLJ. E, nas palavras de Francisco Amaral Neto, “a história é um dos maiores campos da cultura jurídica portuguesa”. “Rui Marcos é o último de uma grande geração de historiadores da área do direito de Portugal e particularmente da Universidade de Coimbra”, afirma.

Do lado português, já foi entregue o título de Membro Honorário da ABLJ a Rui de Alarcão, Castanheira Neves e António Pinto Monteiro, todos docentes da FDUC. “A Universidade de Coimbra sempre teve uma grande presença no mundo jurídico brasileiro, e para nós brasileiros tem um especial encanto e admiração”, conclui o presidente da ABLJ.

A cerimónia de entrega do título de Membro Honorário da Academia Brasileira de Letras Jurídicas vai ser presidida pelo Reitor da UC, João Gabriel Silva, e tem lugar a 18 de dezembro na sala do Conselho Científico da Faculdade de Direito às 18 horas.

 

Karine Paniza

Redes Sociais

Os comentários estão fechados

« »