Sustentabilidade

SASUC e Re-Food juntos no combate ao desperdício alimentar

Comunidade académica é voluntária na recolha do excedente alimentar que posteriormente é entregue a quem precisa. Desde o início da parceria, já foram doadas cerca de 4 100 refeições.

18 novembro, 2021≈ 3 mins de leitura

© UC | Marta Costa

Nos restaurantes universitários, no final das refeições, nem sempre os produtos que sobram podem ser reaproveitados ou utilizados na refeição seguinte, mas ainda estão em condições de ser consumidos. É ai que entra a parceria entre os Serviços de Ação Social da Universidade de Coimbra (SASUC) e a Re-Food. "O que para nós seria considerado desperdício, para outros é uma refeição", conta a Chefe de Divisão da Área Alimentar dos SASUC, Carla Marques.

"Quando nos propuseram esta parceria, entendemos que seria muito interessante, até mesmo para contribuirmos, não apenas pela questão do desperdício, mas também pela questão de cidadania", adianta a responsável que caracteriza a colaboração como "uma mais-valia" para todas as partes. "Com a questão da pandemia este assunto vem mais à luz, porque as pessoas passaram mais dificuldades", acredita Carla Marques.

"O que para nós seria considerado desperdício, para outros é uma refeição"

As refeições que os SASUC doam à Re-Food incluem habitualmente alimentos que se consideram "não passíveis de serem reaproveitados". Estes são, por exemplo, alimentos que estiveram já em exposição ou estiveram em exposição por um tempo prolongado, mas que, no momento, ainda estão aptos para serem servidos", conta a Chefe de Divisão da Área Alimentar dos SASUC.

Até ao momento, já foram doadas cerca de 4 100 refeições pelos SASUC à Re-Food que faz a distribuição diretamente às instituições, conta o Administrador dos SASUC, Nuno Correia.

"Neste momento a distribuição é feita em doses individuais, através de embalagens dos SASUC, doadas pela Associação Académica de Coimbra (AAC), que são as nossas embalagens de takeaway". De acordo com Carla Marques, os serviços estão atualmente "em processo de aquisição de embalagens só para este fim, também reutilizáveis e próprias para o armazenamento de alimentos e higienização".

A parceria entre os SASUC, Re-Food e Associação Académica de Coimbra foi assinada em abril de 2021, no âmbito do projeto "Refeição (de)vida" e tem como principal objetivo "combater o desperdício alimentar, promovendo a doação direta dos géneros alimentícios excedentes das unidades dos SASUC". Na cerimónia, foi divulgado que "os excedentes, após rigoroso controlo de qualidade, são então entregues a indivíduos que vivam em situações de vulnerabilidade extrema".

"O objetivo, no futuro, será centralizar a recolha e depois, a partir do mesmo local, fazer a distribuição". Os voluntários da Re-Food fazem atualmente recolhas "em cantinas em que há jantar, nomeadamente Restaurante Estádio Universitário, CAP-2 e Sala A", acrescenta a responsável.

Saiba mais sobre a Re-Food em https://re-food.org/.

Conheça melhor o percurso de Luís Pimentel, chef nos Serviços de Ação Social da Universidade de Coimbra, através da rubrica Caminhos na UC. Fique também a conhecer outros projetos e iniciativas para a Comunidade UC na página “A Nossa UC”.